Comitê das Árvores

Devido à repercussão e indignação de moradores diante dos cortes desnecessários de mais dois indivíduos arbóreos sadios, centenários e em floração no bairro Quintas do Arraial no dia 11 de setembro de 2020, alguns membros do Verdejar d’Ajuda, além da realização do Manifesto dos Ipês, também se uniram para criar o Comitê das Árvores.

Ipês amarelos cortados

Membros-chave que possuem conhecimentos legais, de políticas públicas, além de conselheiros municipais do meio ambiente e biólogos, estão unindo os documentos necessários para mudar de vez essas situações recorrentes no município.

Através de leis ambientais e de transparência pública queremos propor à Secretaria de Meio Ambiente que os pedidos de cortes de árvores sejam divulgados e analisados pela Câmara Técnica da Mata Atlântica, instituída dentro do Conselho Municipal do Meio Ambiente. Dentro da Câmara, podemos estimular, por exemplo, o desenvolvimento de metodologias com critérios adequados para análise das árvores que correm o risco de supressão.

Lembrando que o conselho é um organismo público mediador entre população e o governo, que tem o intuito de formular políticas públicas que irão atender necessidades sociais. Por isso que é através do Conselho Municipal de Meio Ambiente e das instituições membros que poderemos realizar estas e outras transformações.

Até o momento, conseguimos que uma reunião do conselho fosse realizada para tratar sobre as supressões de árvores. A reunião foi realizada virtualmente no dia 30/09/20, porém não foi como o esperado por parte dos solicitantes. Em primeiro lugar, o tempo foi curto para expor, discutir e decidir sobre os assuntos planejados. Infelizmente, o que foi sentido por muitos participantes foi uma posição de defesa e autoritarismo por parte do presidente do Conselho e Secretário Municipal do Meio Ambiente, que tomou decisões como a de falar em grande parte do tempo estipulado da reunião. Assim, sobrou pouco tempo para os conselheiros exporem seus argumentos e diversas vezes as falas eram interrompidas.

Apesar dos inconvenientes, as principais propostas foram realizadas e serão discutidas nas próximas reuniões. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *